Novo secretário de Segurança reúne cúpula para definir medidas contra crimes

20925159Prefeito de Santa Maria se reúne, nesta segunda-feira, com representantes das polícias, IPG e Susepe

Por: Zero Hora

Depois de um final de semana em que o Rio Grande do Sul contabilizou 28 assassinatos, sete delas em Porto Alegre onde atua a Força Nacional, Cezar Schirmer, então prefeito de Santa Maria e anunciado como novo secretário estadual da Segurança Pública, faz na manhã desta segunda-feira sua primeira reunião de trabalho com representantes das polícias Civil e Militar, do Instituto Geral de Perícias (IGO) e da Superintendência dos Serviços Penitenciários (Susepe).

Após o encontro, que será fechado, Schirmer fará um pronunciamento à imprensa sobre suas primeiras ações em frente à pasta. Depois, ele deve voltar a Santa Maria, onde fará a transição da prefeitura e deverá renunciar ao cargo de chefe do Executivo ainda esta semana.

Entidades de servidores da Segurança Pública se dividem sobre a escolha Schirmer, que só tomará posse após renúncia à prefeitura, ainda sem data prevista. Todos receberam a indicação com surpresa, em razão de ele ter ficado marcado pela tragédia da Boate Kiss.

O nome de Schirmer chegou a figurar na lista dos assuntos que receberam mais comentários no Twitter, a maioria em tom de decepção e indignação. O prefeito de Santa Maria ficou conhecido em todo o país após o incêndio que resultou na maior tragédia da história do Rio Grande do Sul.

Em março de 2016, o Ministério Público Estadual decidiu arquivar a apuração que poderia enquadrar Schirmer em improbidade administrativa (falha na gestão pública), mas, até hoje, pais e mães das vítimas não aceitam a decisão. O prefeito é criticado por omissão.

Nos dias que se seguiram à tragédia, Schirmer chorou durante coletiva de imprensa e foi bombardeado por críticas ao deixar o local da entrevista sem responder às perguntas dos jornalistas.

Este ano, chegou a ser cogitado para vaga no Tribunal de Contas do Estado (TCE), desencadeando protestos da associação de familiares das vítimas da Kiss, que emitiu nota de repúdio. Diante do anúncio de sexta-feira, a Associação dos Familiares de Vítimas e Sobreviventes da Tragédia de Santa Maria (AVTSM) divulgou novo texto criticando a indicação de Schirmer à SSP.

— O prefeito jamais pediu desculpas pelo que aconteceu — resume o presidente da entidade, Sérgio da Silva.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *