SANTA MARIA: Policial é atingido por disparo

A proteção do gatilho da arma do policial evitou um ferimento mais grave (Divulgação / BM / A Razão)
A proteção do gatilho da arma do policial evitou um ferimento mais grave (Divulgação / BM / A Razão)

Ivan Flores da Rosa, 45 anos, do BOE, foi atingido por Tenente da Reserva do Exército

por A Razão

Um fato inusitado aconteceu na noite de terça-feira na Rua dos Andradas, no Centro, de Santa Maria. Um tenente da reserva do Exército Brasileiro, de 61 anos, teve sua casa assaltada e, sem querer, atingiu o policial Ivan Flores da Rosa, 45 anos, do 2º Batalhão de Operações Especiais (2º BOE), que havia sido chamado para atender a ocorrência. O disparo da arma de fogo atingiu de raspão a mão esquerda do policial. De acordo com a Brigada Militar (BM), ele fraturou dois dedos, mas passou por cirurgia, na tarde de ontem, no Hospital de Caridade Doutor Astrogildo de Azevedo, e está bem.

A esposa do tenente chegou na residência e notou que o quarto do casal estava revirado, inclusive o compartimento das joias. A família também teve furtada uma quantia de R$ 2 mil em dinheiro. O militar estava no segundo andar da residência com uma arma de fogo procurando o ladrão, enquanto o policial do BOE estava subindo as escadas. O tenente da reserva levou um susto, achando que se tratava do ladrão, e efetuou um disparo. A proteção no entorno do gatilho evitou um ferimento mais grave na mão de Rosa.

“Ele está bem, se recuperando. Foi um susto muito grande”, conta a esposa do militar, Tissiane Rosa.

O fato foi registrado na Delegacia de Polícia de Pronto-Atendimento (DPPA).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *