SP: ‘Palhaços’ fazem família refém e assaltam sítio em Lins

IMAGEM ILUSTRATIVA
IMAGEM ILUSTRATIVA

Estadão Conteúdo

Bandidos usando máscaras de palhaço renderam a família do caseiro e assaltaram um sítio na Rodovia David Eid (SP-381), nesta quarta-feira, 19, em Lins, no interior de São Paulo. As vítimas – o caseiro, sua mulher e um filho – foram amarradas e mantidas reféns durante sete horas. Durante o assalto, três amigos da família chegaram ao local e também foram tomados como reféns.

O bando roubou vinte cabeças de gado, o carro do casal, R$ 2,4 mil em dinheiro, três celulares e eletrodomésticos da propriedade. As vítimas conseguiram se livrar somente após a fuga dos criminosos.

De acordo com a Polícia Civil, pelo menos quatro homens participaram do assalto – dois deles usavam as máscaras. O bando usou um caminhão “boiadeiro” para carregar o gado. A polícia requisitou imagens de câmeras instaladas em rodovias da região.

Até o início da tarde desta quinta-feira, 20, ninguém tinha sido preso.

Furto e roubo de gado estão se tornando crimes comuns no interior. No último dia 7, ladrões invadiram o Instituto de Zootecnia, da Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado, em Nova Odessa, e levaram 44 novilhas usadas em pesquisas sobre a qualidade do leite. A Polícia Civil recuperou 31 animais.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *