ZERO HORA: Perseguição policial termina com suspeito morto em Cachoeirinha

Tiroteio ocorreu em frente a uma casa na Rua Marte, no bairro Fátima, em Cachoeirinha Foto: Ronaldo Bernardi / Agência RBS / Agência RBS
Tiroteio ocorreu em frente a uma casa na Rua Marte, no bairro Fátima, em Cachoeirinha
Foto: Ronaldo Bernardi / Agência RBS / Agência RBS

Após troca de tiros, um dos suspeitos foi preso. Outro, que havia saído da casa, foi encontrado morto nas proximidades

Por: Vitor Rosa ZERO HORA

Uma perseguição policial terminou com um suspeito morto em Cachoeirinha, na Região Metropolitana, na manhã desta segunda-feira. Segundo a Brigada Militar, criminosos trocaram tiros com policiais na Rua Marte, no bairro Fátima, próximo das 6h. As informações são da Rádio Gaúcha.

A ocorrência teve início na Avenida Alexandrino de Alencar, no bairro Morada do Vale, em Gravataí, próximo das 5h30min. Uma dupla suspeita que estava em uma motocicleta fugiu após a aproximação de uma viatura do 17º Batalhão de Polícia Militar, de Gravataí. A perseguição se estendeu até o município vizinho, terminando em uma casa. Naquele local, os bandidos pararam e um deles desceu.

O suspeito entrou numa casa na altura do numeral 130. Ainda conforme a BM, cerca de outros três bandidos se juntaram ao que desceu do veículo e começaram a trocar tiros com os PMs.

Após troca de tiros, um dos suspeitos foi preso. Outro, que havia saído da casa, foi encontrado morto nas proximidades. Ele ainda não foi identificado. Ao menos dois conseguiram fugir.

Dentro da residência onde a ocorrência terminou, policiais acharam 21 pedras de crack, dinheiro e três celulares. A suspeita é de que, no local, funcionasse um ponto de tráfico de drogas.

Nenhum policial militar ficou ferido.

1 Comentário

  1. que deus proteja sempre os gurreros da pm e demais policias pq só deus msm p protege-los pois governo não valoriza e a hipocrita sociedade só reconhece quando esta em perigou ou foi roubada pelos vagabundos q ela msm e os direitos humanos tanto passam a mão na cabeça SALVE SALVE P NOSSOS VALIOSOS POLICIAIS

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *