Metade das guaritas salva-vidas do litoral precisam de reformas

21724582Metade das guaritas de salva-vidas do litoral gaúcho precisa de reparos

Das 329 guaritas, 150 precisam ser trocadas ou reformadas

Das 329 guaritas de salva vidas no Litoral Norte e Sul do Estado, 150 precisam ser trocadas ou reformadas. Segundo o corpo de bombeiros, 60 serão reconstruídas e 90 necessitam de reparos por causa da ressaca de outubro. As estruturas terão um novo modelo que permite uma visão lateral mais ampla.

O trabalho será executado pelas prefeituras em parceria com o governo do Estado. Segundo o chefe do Estado-Maior do Corpo de Bombeiros, tenente-coronel Luís Marcelo Maya, a ressaca do mês passado aumentou o número de danos das guaritas. As melhorias têm um prazo para finalização.

“A gente não dá um prazo para início mas precisam estar prontas até o dia 17 de dezembro quando começa a operação verão”, afirma o oficial.

Nesta segunda-feira (14), começou o treinamento de salva vidas para a Operação Golfinho. Na próxima quarta-feira (17), a Brigada Militar (BM) irá publicar o edital de convocação dos 600 candidatos a salva vidas civis temporários.

GAÚCHA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *