Presos colocam fogo em cela na Delegacia de Plantão de Canoas e ameaçam matar detentos

Uma agente que trabalhava no plantão da delegacia ficou ferida ao combater as chamas, mas não há informações sobre o tipo de ferimento. Ela foi encaminhada para atendimento médico no hospital. A situação já está controlada, segundo a Polícia Civil.

ffffPresos que estão sendo mantidos na carceragem da Delegacia de Policia de Pronto Atendimento de Canoas atearam fogo na cela na tarde deste domingo (6). Uma policial passou mal ao inalar fumaça no combate ao incêndio, e teve de ser levada até um hospital da região.

O fogo foi rapidamente controlado. Os presos reclamam de estar na carceragem e querem ser levados a um presídio. Segundo o delegado regional Cristiano Alvarez, a carceragem da delegacia foi limitada pelo alto número de presos. Por causa disso, presos em flagrante e foragidos recapturados estão sendo mantidos sob custódia da Brigada Militar.

Na tarde de hoje, presos batiam nas grades das celas e ameaçavam matar outros detidos.

A reportagem aguarda posicionamento da Superintendência de Serviços Penitenciários (Susepe).

Custódia da PRF
Por mais de 8 horas, entre a noite de sábado e a madrugada de domingo, policiais rodoviários federais tiveram de custodiar um preso também na DPPA de Canoas.  Foi a primeira vez que a situação foi registrada com a PRF no Rio Grande do Sul.

 

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *