Representações dos servidores fazem protesto e preparam ato unitário em dezembro

pppppSindicatos de servidores estaduais e entidades que formam o Bloco da Segurança Pública (ABAMF, ASSTBM, ABERGS, AOFSBM, AMAPERGS, UGEIRM, SINDIPERÍCIAS) realizaram ato de protesto em frente ao Palácio Piratini e Assembleia Legislativa na tarde de 22 de novembro. Cartazes,cornetas, faixas e muitos gritos contra o governo foram a marca da manifestação. As entidades brigadianas fecharam a Rua Duque de Caxias e só liberavam o trânsito a cada cinco minutos. Depois, houve uma tentativa de entrada Assembleia Legislativa, mas não havia sinal dos deputados.

A reunião na frente do Legislativo Estadual foi o primeiro passo da responsabilidade que será cobrada dos deputados na votação das propostas governistas, que atacam descaradamente os servidores e acabam com parte dos serviços públicos. Estão sendo agendadas reuniões com todas as bancadas partidárias, inclusive as governistas, para debater as proposições.

ppp

Pela manhã, as representações dos servidores estaduais definiram três frentes de atuação para combater o pacote do governo Sartori:
1) Será intensificada a mobilização para o esclarecimento da população acerca do impacto das medidas para a sociedade e para os trabalhadores, com intensa ação direta nas bancadas partidárias na Assembleia Legislativa.
2) Foi criado um comitê jurídico com integrantes dos diversos sindicatos para estudar todos os aspectos das medidas e embasar solidamente as posições das entidades.
3) Ficou definido que serão realizadas atividades individuais e conjuntas e no dia 20 de DEZEMBRO haverá um grande ATO UNITÁRIO de luta pelo serviço público. 

O grande temor das entidades é que os deputados votem as medidas na calada da noite ou esperem que a atenção dos gaúchos esteja voltada para as festas natalinas e de final de ano, para assim impor a vontade do governo sem o debate apropriado.

Todos, queremos um RS forte, mas sacrificar os servidores não resolve.

sindi

 

dsc_0520

dsc_0512dsc_0513dsc_0515dsc_0535dsc_0521dsc_0519dsc_0540didio

1 Comentário

  1. Se ato em frente ao Palácio e assembleia adiantasse não estava desde jeito nosso estado. Vamos parar GERAL…parar o estado de for preciso parar o Brasil. Greve e guerra contra essa forma de senvergonha. Não fazer segurança deles agora já.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *