Trovão Azul chega a Porto Alegre

21850041Veículo será utilizado como carceragem, junto à 3ª DPPA, na zona norte da cidade

O Trovão Azul, ônibus que será utilizado para manter presos sob custódia, chegou por volta das 15h desta quarta-feira em Porto Alegre. Conforme a Superintendência dos Serviços Penitenciário (Susepe), o veículo foi levado para a Academia de Polícia Civil (Acadepol), onde passará por vistorias. Depois, o coletivo adaptado para servir como carceragem, será entregue à Brigada Militar e deverá ficar estacionado no pátio da 3ª Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento (DPPA), no bairro Navegantes, em Porto Alegre.

O secretário da Segurança Pública (SSP), Cezar Schirmer, confirmou na terça-feira a utilização do veículo como alternativa à detenção de presos que aguardam vagas no sistema prisional. O Trovão Azul tem capacidade para abrigar aproximadamente 30 detentos e era utilizado pela Susepe para transportá-los.

Diferente do micro-ônibus da Brigada Militar, depredado no Palácio da Polícia por seis detentos, possui grades no seu interior. Essa é uma medida emergencial adotada até a construção dos Centros de Triagem.

Sobre a utilização do ônibus para amenizar os problemas de superlotação dos presídios e carceragens de delegacias, o secretário de Segurança, Cézar Schirmer, reconheceu que não é o ideal a ser feito, mas uma medida de urgência a ser tomada.

“É ruim, mas pior é o carro, é a viatura, pior é na delegacia. Nem carro, nem delegacia é o lugar onde os presos devem estar, devem estar na penitenciária”, lamentou Schirmer.

A medida foi pensada após seis presos depredarem um micro-ônibus da Brigada Militar dentro do Palácio da Polícia. A utilização do veículo está prevista para ocorrer até a inauguração dos centros de triagem de presos – a primeira unidade ficará pronta ainda nos primeiros dias de dezembro.

O ônibus, que pertence à Superintendência dos Serviços Penitenciários (Susepe), tem celas no interior e capacidade para cerca de 30 detentos. O veículo foi comprado pelo Estado em 1985 e utilizado até 2013 para o transporte de presos, quando foi desativado após a compra de um novo veículo.

ZERO HORA

3 Comentários

  1. Daniel Santos Quaresma

    ACHEI LEGAL O LIXÃO AZUL .

  2. Eles nao tem vergonha na cara mesmo em reformar esse lixo, no minimo o que o estado vai gastar na reforma daria pra comprar uns 10 onibus desse 0km.

  3. O ônibus vai ficar estacionado na área da 2ª DPPA e não na 3ª.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *