Brigada Militar evita golpe do falso sequestro e prende dupla em Torres

Eles mantinham contato telefônico com um morador afirmando que  mantinham a filha dele como refém e exigiam dinheiro

Dois homens suspeitos de cometerem o golpe do falso sequestro foram presos na tarde desta quarta-feira (18) em Torres, no Litoral Norte. Conforme a Brigada Militar, eles mantinham contato telefônico com um morador afirmando que  mantinham a filha dele como refém e exigiam dinheiro.

O pai não conseguia contato com a filha, que não estava em casa, e acabou acertando o valor de R$ 5 mil com os estelionatários. Antes de entregar a quantia, ele resolveu ativar a Brigada Militar, que mandou uma viatura até a residência da família.

No local, os policiais resolveram parar um um carro que rondava a região, e acabou encontrando os dois suspeitos pelo golpe. Durante revista, os PMs encontraram um celular com diversas ligações para o número da vítima nas últimas horas.

A Polícia Civil desconfia que a dupla está envolvida em outros crimes no Litoral Norte. Conforme o delegado Alex Assmann, que registrou a ocorrência, os dois serão agora investigados por possibilidade de participar de outros golpes e sequestros.

“Tinha com eles outros objetos, furtados durante o dia de hoje no município. Eles tinham também o chamado ‘chapolin’, que tranca o alarme de carros”, afirma o delegado plantonista.

Os presos foram autuados em flagrante por tentativa de estelionato e furto. Os nomes não foram revelados.

GAÚCHA

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *