RJ: PM do Rio reconhece que seu efetivo é insuficiente

Segundo corporação, há 4 mil vagas abertas no momento

A Polícia Militar do Rio de Janeiro informou que há 4 mil vagas abertas aguardando liberação do orçamento do governo para efetuar as contratações. Segundo o Extra, a própria corporação reconheceu que o seu efetivo atual é insuficiente para atender a todo o Estado da forma mais adequada.

A Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) garante que o estado possa repor a saída de servidores da Educação, Saúde e Segurança Pública. Esta ressalva integra também o Termo de Recuperação Fiscal negociado entre o estado e a União, permitindo que o governo contrate para essas áreas.

O Corpo de Bombeiros, que também encontra-se desfalcado, explicou que “o cenário econômico suspendeu as convocações previstas” e que atua com um efetivo que alcança 95% da população.

Notícias ao Minuto Brasil

Deixe uma resposta