ABAMF e ASSTBM informam posição sobre o PLC 247

A ABAMF e a ASSTBM informam a Categoria Brigadiana que estão analisando PLC 247, do Poder Executivo. Os interstícios colocados no PLC foram os propostos pelo PROJETO DE PLANO DE CARREIRA, debatido pelos brigadianos e encaminhado pelas Entidades da Classe ao Governo do RS.

Algumas das proposições, como a percentagem 50% antiguidade e 50% merecimento, bem como a diminuição do interstício de 7 para 5 anos na prestação do CTSP para soldados, sempre fizeram parte das reivindicações dos militares estaduais. A ABAMF e a  ASSTBM articulam junto ao governo a implantação de cronograma fixo para haver fluidez na carreira e para que as vagas de sargentos e tenentes sejam preenchidas.

O PLC 247 traz a regulamentação do que foi aprovado em torno das licenças-prêmio da Brigada Militar, garantindo os 90 dias para averbação e deixando claro que as licenças em curso não serão atingidas.

Em razão do que está exposto, a ABAMF e a ASSTBM pedem aos brigadianos que não aceitem colocações oportunistas e demagógicas – carregadas de interesses pessoais e políticos – de pessoas que não representam a categoria.

Para aqueles que, ilegalmente, tentam se denominar representantes da categoria, fiquem livres para fazerem as convocações que desejarem, porém as legítimas representantes dos brigadianos não compactuam com isso. O tema exige objetividade e estratégia, pois definirá o futuro da carreira na BM. Não se pode convocar uma assembleia geral da noite para o dia, sem analisar aprofundadamente os motivos.

Não se pode definir posições  no calor de discussões em grupos de WhatsApp. E, o PLC 247  será apreciado após a votação das PECs que trancam a pauta na Assembleia Legislativa. Por isso, há tempo para o debate.

Aguardamos TODOS, Dia 15 de Agosto, na ABAMF, na ASSEMBLEIA GERAL DA CATEGORIA, para traçar estratégias em defesa da Família Brigadiana.

ABAMF NA LUTA

9 Comentários

  1. Mas foi discutido o plano de carreira, cade o plano de carreira, a associações acham justo quem está como segundo sargento ficar seis anos para sair primeiro sargento, e depois mais seis anos para fazer o CBA totalizando 12 anos no mínimo. No plano de carreira apresentado não tinha prejuízos para carreira policial militar atual. Na atual carreira é uma ano para sair primeiro, e três como primeiro para fazer o CBA, totalizando em torno de quatro anos no mínimo. Só gostaria de ter a reposta destes temas, sobre os soldados acho justo.

    • Só para lembras as Associações os interstícios colocados no PLC foram os propostos pelo PROJETO DE PLANO DE CARREIRA, debatido pelos brigadianos e encaminhado pelas Entidades da Classe ao Governo do RS, “cade o plano”.

  2. Joao Renato Marques

    O que nao pode passar e o intertiscio da promocao para seis anos, sendo que antes era cinco, porque aumentar, entao manten os cinco anos.

  3. Então será inserido na legislação somente os aspectos negativos do tal plano de carreira? Deixem de demagogia, primeiro promovam os brigadianos, e depois criem os interstícios. O que me parece, esse plano tem o objetivo é de ferrar com os veteranos que estão esperando o CTSP para depois irem para a reserva.

  4. 6 anos é o mesmo que acabar com a promoção na reserva, um oficial com 20 anos chega a Tenente Coronel enquanto um Soldado continua na mesma sem Promoção e sem Motivação.

  5. Regra de transição é o que é necessário no minimo para não haver prejuízo a quem esta hoje na expectativa de por exemplo fazer uma prova de CBA. Hoje pode estar apto, depois da lei pode faltar mais dois ou três anos…

  6. E o plano de carreira não adianta ir em reuniões se na hora e tudo no oba oba

  7. Nunca houve um plano de carreira na BM, a PC e a SUSEP sim possuem um, pois são promovidos pelo tempo de serviço independente das tais vagas, enquanto nó nos estripamos vagas em concursos e porcentagem para promoção, se na BM tem plano de carreira é para oficiais, quem sabe discutam para sair concurso de Cap para Maj, de Maj para TC e assim por diante. O que querem realmente é arrebentar com os Sds antigos e com os 3 Sgt, Querem mudar, mudem para os proximos que entrarem sem prejudicar que esta segurando messa bagaça a anos,

Deixe uma resposta