Resultado do concurso da Brigada Militar e Bombeiros-RS é divulgado pela Fundatec (CONFIRA AQUI)

IMAGEM ILUSTRATIVA

Concurso da Brigada Militar e Bombeiros do Rio Grande do Sul teve 42 mil candidatos e mais de 14 mil aprovados. Os resultados das provas e as notas dos candidatos foram publicados no Diário Oficial do Estado de 17 de janeiro.

Já podem ser consultados os resultados preliminares da prova objetiva do grande concurso público promovido pela Brigada Militar do Estado do Rio Grande do Sul (concurso Brigada RS). A divulgação das notas aconteceu por meio do Diário Oficial do estado desta quarta-feira, 17 de janeiro. O período de recursos contra as notas preliminares vai de 18 a 22 de janeiro e a homologação do resultado sairá no dia 30 de janeiro.

Dos 35.595 inscritos para soldado da Brigada Militar-RS, 11.859 candidatos foram aprovados – veja o resultado na Brigada Militar-RS.

Já para Bombeiros-RS, dos 6.936 participantes, foram 2.829 aprovados –veja a lista de aprovados para o CBM-RS.

O concurso terá ainda as etapas de exame de saúde, exame de capacitação física, exame psicológico, testagem coletiva e entrevista individual. Do total de vagas, 16% serão destinadas aos candidatos negros e pardos veja o edital de abertura.

Em fevereiro começarão os testes físicos dos aprovados na etapa objetiva e a previsão é de que a homologação do concurso ocorra até junho. A contratação dos aprovados deverá acontecer até o dia 10 de julho, prazo limite estipulado pela Lei 9.504/57, em virtude da realização das eleições de 2018. Caso as nomeações não aconteçam até esta data limite, os aprovados só poderão ser admitidos no início de 2019.

O cargo de Soldado exige ensino médio completo; carteira de habilitação de categoria mínima “B”; estatura mínima de 1,60m para mulheres e 1,65m para homens; e idade entre 18 e 25 anos até o último dia de inscrições no concurso. Além disso, o candidato deve ter ilibada conduta pública e privada; estar quite com as obrigações eleitorais e militares; não ter sofrido condenação criminal com pena privativa de liberdade ou qualquer condenação incompatível com a função Policial Militar; não ter sido isentado do Serviço Militar por incapacidade física definitiva; se reservista das Forças Armadas, ter sido licenciado, no mínimo, no comportamento bom. As carreiras tiveram reajuste recentemente e o cargo de Soldado tem agora salário inicial de R$ 3.760,54.

O prazo de validade do concurso será de 2 anos, podendo ainda ser renovado por igual prazo, período onde ocorrerão as nomeações dos aprovados.

FUNDATEC

1 Comentário

  1. Em fevereiro não seria realizado a entrega dos exames, e só depois o TAF?

Deixe uma resposta