ABAMF prestigia posse do juiz militar coronel Mendes na presidência do TJM-RS

Juiz militar coronel Paulo Roberto Mendes Rodrigues e o diretor da ABAMF, Jairo Rosa.

A ABAMF, representada pelo diretor Jairo Rosa, assim como todas as outras representações e instituições que compõe a Família Brigadiana (IBCM, ASSTBM, AOfSBM, entre outras) prestigiaram na tarde de 5 de fevereiro, no auditório Romildo Bolzan, do Tribunal de Contas do Estado(TCE), a posse da administração do Tribunal de Justiça Militar do RS(TJM) para o biênio 2018/2019. O juiz militar coronel Paulo Roberto Mendes Rodrigues é o novo presidente do TJM. A vice-presidência é exercida pelo juiz militar coronel Antônio Carlos Maciel Rodrigues. O corregedor-geral é o juiz civil Amilcar Fagundes Freitas Macedo. Todos foram eleitos em dezembro de 2017, por aclamação, sendo o corregedor o único reeleito.

Autoridades Legislativas e Judiciárias do RS e do Brasil, compareceram ao ato. Destaque para a presença do senador Lasier Martins, o secretário de segurança pública do RS, Cezar Schirmer.

O TJM-RS completa o centenário de existência em 2018 e o fato não foi esquecido nos discursos. O juiz Fernando Guerreiro de Lemos, que estava na presidência até esta data, lembrou: ” O TJM não julga apenas policiais, julga a atuação do Estado.Graças a atuação do TJM, temos a melhor polícia militar do Brasil. Não pode haver dúvida se o policial é honesto ou desonesto…”

Para o deputado Ronaldo Santini, que representou o presidente da Assembleia Legislativa, “o momento é de fortalecimento das instituições”. O parlamentar garantiu voto favorável ao TJM nas proposições que extingam o tribunal.

O secretário Cézar Schirmer destacou que a função do policial é especial, usa uma arma em nome do Estado. Por isso, precisa de uma resposta a sua ação justiça ágil e qualificada. ” O TJM tem o papel de punir, exemplarmente, desvios e mau comportamento para que não se disseminem dentro da BM”.

O juiz militar coronel Mendes rememorou  o tempo em que ingressou na Brigada Militar e recebeu a espada das mãos da mãe Diná Mendes, como fez ao formar-se oficial. Ressaltou que durante sua administração dará prosseguimento a divulgação dos trabalhos do TJM, estimulará o continuidade para recebimento  de projetos para processos eletrônicos,  aprofundará o relacionamento interno e aumentará a aproximação com o Tribunal de Justiça do RS.

O senador Lasier Martins, elogiou: “Hoje é um dia altamente auspicioso, porque assume o TJM uma pessoa de comportamento irretocável. Um homem digno digno, um homem qualificado”.

 

Paulo Rogério N. da Silva

Jornalista ABAMF

1 Comentário

  1. Josebatistadamotapaschoal

    QUE PENA QUE ALGUNS DEPUTADOS,NÃO CUMPREM O QUE PROMETEM EM ÉPOCA DE CAMPANHA,PASSOU AS ELEIÇOES,ESQUECEM DOS QUE VOTARAM NELES.

Deixe uma resposta