ZERO HORA: Sartori não garante pagamento integral dos salários em março

198
Ele ainda disse que é um direito dos trabalhadores irem à Justiça para garantir o pagamento integral Foto: Luiz Chaves / Palácio Piratini/Divulgação
Ele ainda disse que é um direito dos trabalhadores irem à Justiça para garantir o pagamento integral
Foto: Luiz Chaves / Palácio Piratini/Divulgação

De acordo com o governador, vai depender do “caixa do dia”

Faltando dois dias para o fechamento da folha de pagamento do mês de março, o governador José Ivo Sartori não garante o pagamento integral dos salários. Em entrevista coletiva na Federasul, onde se reunirá com empresários, o governador afirmou que só saberá se o pagamento será efetuado integralmente no dia 20, “dependendo do caixa do dia”.

Ele disse que é um direito dos trabalhadores irem à Justiça para garantir o pagamento integral. Na semana passada, 17 sindicatos entraram na Justiça para receber os salários inteiros.

Na quinta-feira, o governador apresentará à imprensa a real situação financeira do Estado, quais medidas serão tomadas e as diretrizes de ajuste. Ele garantiu que serão priorizadas áreas essenciais e os 12% do orçamento destinado à saúde, mas não explicitou quais serão as medidas de contenção de despesas.

Sartori ainda falou sobre a viagem que fez à Brasília, na terça-feira, onde foi garantida a federalização da RS-470 que abrange 20 municipios, de Barracão até Camaquã.

– É um alivio para a infraestrutura do RS – afirmou

Na capital federal, Sartori teve encontro com o ministro da previdência com quem debateu créditos para a melhoria do caixa do tesouro estadual em 2015. Seriam R$ 92 milhões relativos ao encontro de contas. Ele também encaminhou pedido ao Ministério da Fazenda referente a verba do fundo de exportações. Segundo o governador, seriam mais R$ 120 milhões para o Caixa do Estado.

– Certo mesmo é que o Estado acabará o ano com déficit de 5,4 bilhões.
*Zero Hora