Homem debocha da polícia em rede social e é detido no sul do Estado

213
Jovem debochou da polícia no Facebook e acabou sendo detido Foto: Reprodução / Reprodução
Jovem debochou da polícia no Facebook e acabou sendo detido
Foto: Reprodução / Reprodução

Mensagem compartilhava notícia de arrombamento a loja em frente à delegacia e questionava onde estaria o delegado

Um jovem de 23 anos foi detido na manhã desta sexta-feira, em Piratini, depois de debochar da Polícia Civil em uma postagem no Facebook. A publicação compartilhava uma notícia de um site local sobre um arrombamento em frente à delegacia da cidade, ocorrido no início da semana. Na mensagem, o homem questionava onde estaria o novo delegado que prometeu “mudar” o município.

“Olha ai, roubaram na frente da civil kkkk kade o delegado novo ke ia mudar piratini”, escreveu. A mensagem chegou ao conhecimento do delegado Rafael Brodbeck, que foi transferido para Piratini há uma semana. A partir disso, Brodbeck começou a investigar o jovem e descobriu que ele tinha alguns antecedentes criminais.

Segundo a polícia, o jovem já havia sido preso por porte ilegal de arma e era suspeito de ameaçar vizinhos com disparos de arma de fogo. O delegado ainda acreditava que ele tinha uma arma do Exército em casa. Por isso, a polícia entrou com um pedido de mandado de busca e apreensão, o que foi aceito pela Justiça.

— Não foi abuso de autoridade, nada disso. O cidadão já era investigado, já cumpriu pena por porte ilegal de arma, é suspeito de intimidar vizinhos com disparos. Ou seja, é um indivíduo potencialmente perigoso. Então, conseguimos o mandado na Justiça com base nestes antecedentes e nos inquéritos em andamento contra ele — explica Brodbeck.

Ao chegar na casa do jovem, o delegado respondeu ao deboche, dizendo que estava ali para se apresentar. Os agentes fizeram buscas dentro da residência, mas não encontraram a suposta arma. Então, o jovem foi conduzido à delegacia para prestar esclarecimentos. Ele apagou a postagem, pediu desculpas e foi liberado, segundo o delegado.

— Ele assumiu o erro em debochar da polícia. Criticar a polícia tudo bem. Todos tem o direito. Agora, o deboche despertou uma desconfiança. Principalmente porque ele aparecia com armas em fotos no Facebook. Não foi vingança, não teve nada de cunho pessoal. Foi só para alertar que a autoridade policial está presente e fazendo seu trabalho. Foi um recado que nós demos a ele e à população, na verdade — completa.

*Zero Hora