Segurança em Pelotas e Rio Grande tem restrição no atendimento

223
Metade das viaturas da BM em Rio Grande estão nas ruas Foto: Karoline Avila  / Rádio Gaúcha Zona Sul
Metade das viaturas da BM em Rio Grande estão nas ruas
Foto: Karoline Avila / Rádio Gaúcha Zona Sul

Maioria das escolas não terá aulas até sexta-feira

Das 20 viaturas da Brigada Militar para o policiamento ostensivo em Rio Grande, dez circulam nas ruas da cidade no início desta manhã. Policiais militares se negam a deixar o 6° Batalhão de Polícia Militar (6°BPM) com veículos que apresentem problemas mecânicos ou documentais. Já em Pelotas, a Brigada Militar funciona normalmente, sem restrições. A Policia Civil em Rio Grande e Pelotas atende apenas ocorrências graves. Mandados judiciais não estão sendo cumpridos. Na Susepe em Pelotas, apresentações nas audiências de presos foram suspensas e visitas restritas (apenas uma por apenado) no Presídio Regional de Pelotas (PRP). Em Rio Grande, as visitas estão mantidas na Penitenciária Estadual de Rio Grande (Perg).

Em Rio Grande e Pelotas, funcionários do IGP decidiram não parar pela possibilidade de corte no ponto pelo governo do Estado.

Escolas

Na região da 18ª Coordenadoria Regional de Educação (CRE), que abrange Rio Grande, São José do Norte, Chuí e Santa Vitória do Palmar são 40 escolas. A maioria está parada. Na região da 5º CRE, são 132 escolas em Pelotas e outros 17 municípios. O levantamento até agora mostra que a adesão é parcial. A orientação é de que pais e alunos liguem para cada escola para saber se haverá aula. O Cpers Sindicato decidiu em assembleia geral por greve na rede estadual até sexta-feira (20).

RADIO GAÚCHA