ZERO HORA: Entenda por que o Piratini depositou R$ 600 para os servidores estaduais

168
Foto: Bruno Alencastro / Agencia RBS
Foto: Bruno Alencastro / Agencia RBS

Basicamente, valor foi definido pelo ingresso da última leva de ICMS, o principal imposto estadual, no mês de agosto

Depois de dias de expectativa e de ansiedade, os servidores públicos do Poder Executivo do Rio Grande do Sul descobriram, por meio de extratos bancários, que terão R$ 600 depositados em suas contas nesta segunda-feira — será a primeira parte do parcelamento salarial definido pelo Palácio Piratini. Mas, afinal, como o governo chegou a esse valor?

Confira a resposta no infográfico a seguir.

 

ZERO HORA