ABAMF lamenta uso político dos brigadianos

118

12038193_907767089302476_6333857292458602244_nO presidente da ABAMF lamentou o uso político dos brigadianos para reprimir manifestações contra o aumento de impostos. “Os parlamentares  e o governo deveriam dialogar com a sociedade, mas preferem expor os policiais militares ao confronto com aqueles que discordam das intenções do governo”, disse Leonel Lucas.

O confronto na entrada da Assembleia Legislativa foi inevitável,uma vez que os policiais militares estão no local para manter a ordem. As criticas sofridas pelos militares pela ação também existiriam no caso de omissão, pois isso poderia causar um grande número de feridos ou resultados até mais trágicos.

Para o presidente da ABAMF não é justo criticar os militares por cumprirem com o dever. “Aqueles brigadianos também receberam o salário parcelado, sofrem com a desconsideração do governo,  estão com problemas financeiros e abalados psicologicamente, mas são obrigados a trabalharem sob pena de sofrerem punição”.

12036842_90719431566003_n

A ABAMF, em nome de todos os militares estaduais, protestou contra o aumento de impostos e cobrou posição dos deputados. Agora, cabe ao povo cobrar, daqueles que receberam o voto, as devidas explicações.

Paulo Rogério N. da Silva

Jornalista ABAMF