Policial morre atropelado ao atender acidente em Viamão

177

dfgdOutras quatro pessoas ficaram feridas nos dois acidentes ocorridos na madrugada desta segunda-feira

Dois acidentes em sequência causaram a morte de um policial rodoviário e deixaram outras quatro pessoas feridas na madrugada desta segunda-feira na ERS-118. O policial foi identificado como Bernardo Giovani Dorneles Rodrigues, de 23 anos. Servidor do Grupo Rodoviário (GRv) de Viamão, ele foi atropelado enquanto atendia a uma colisão.

O primeiro acidente aconteceu por volta das 3h20min, envolvendo um caminhão e um automóvel no km 32 da rodovia, em Viamão. No acidente, os dois motoristas ficaram feridos, sendo o caminhoneiro com ferimentos graves. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e o Comando Rodoviário da Brigada Militar (CRBM) foram acionados.

Durante o atendimento da ocorrência, o motorista de um Prisma perdeu o controle do carro e atropelou duas pessoas que estavam no local. Entre eles, o policial rodoviário, que foi levado ao Hospital de Viamão, mas acabou morrendo por volta das 7h após parada cardíaca.

A outra vítima atropelada, segundo o CRBM, foi a filha do motorista do caminhão envolvido no primeiro acidente. Ela estaria grávida, mas não corre risco de vida. O motorista do Prisma foi submetido ao teste do bafômetro, que não apontou ingestão de álcool. Ele também se feriu, mas, em princípio, sem gravidade.

— O local estava sinalizado com cones e a viatura estava com o giroflex ligado. Cogitamos que o motorista (do Prisma) estava em alta velocidade — afirmou o sargento César Dias, responsável pela Comunicação Social do CRBM, acrescentando que um segundo policial também estava no local, mas não foi atingido.

Os nomes das vítimas não foi divulgado. Ainda segundo o CRBM, a única vítima em estado grave é o caminhoneiro.

ZERO HORA