Preso suspeito de matar PM para roubar seu carro em Canoas

142
Soldado foi morto ao reagir a ladrões de carro Foto: Reprodução / Facebook
Soldado foi morto ao reagir a ladrões de carro
Foto: Reprodução / Facebook

Jovem de 18 anos foi reconhecido pelo crime cometido em outubro, e que vitimou o soldado Luciano Clavijo Moura, aos 34 anos

Um jovem, com 18 anos completados no último dia 11 de novembro, foi reconhecido como o autor do latrocínio (roubo com morte) que vitimou o soldado Luciano Clavijo Moura, 34 anos, da Brigada Militar, no Bairro Harmonia, em Canoas, no dia 22 de outubro.

Como ainda era adolescente quando cometeu o crime, ele vai responder por ato infracional de latrocínio. De acordo com o delegado Adriano Nonnenmacher, da Delegacia de Furtos e Roubos de Veículos de Canoas (DFRV), há suspeita de que o rapaz não tenha agido sozinho. A polícia ainda tenta identificar um comparsa.

A prisão do jovem aconteceu durante uma perseguição, com troca de tiros, da Brigada Militar pelas ruas de Canoas na tarde de quinta. Dirigindo um Classic recém roubado, o suspeito dirigiu por cerca de 5km na contramão pela BR-116 antes de ser capturado. Era o fim de dois roubos de veículos em sequência cometidos por ele e outro homem, também autuado em flagrante.

— Já tínhamos a suspeita de que este adolescente havia cometido o latrocínio contra o PM e estávamos na fase de coleta de provas. Ele também já responde a outro inquérito, como maior, por roubo de veículo na cidade. Quando a Brigada o apresentou, fizemos o reconhecimento com testemunhas do crime que vitimou o PM e confirmou — explica o delegado.

Luciano foi morto quando criminosos tentavam levar o seu ix35 e acabou baleado ao reagir. Os bandidos fugiram sem levar o veículo.

ZERO HORA