Número de afogamentos é o maior dos últimos cinco verões

124

17901535Último caso foi de um jovem encontrado morto em Agudo neste domingo

A região central do Estado já contabiliza 13 mortes por afogamentos entre o início do verão, em 22 de dezembro, e este domingo. O número supera as ocorrências registradas nas cinco temporadas desde 2011 (contabilizados todos os três meses da estação).

No caso mais recente, Denilson da Silva Carvalho, 15 anos, morreu afogado ontem à tarde. Conforme a Brigada Militar (BM), o jovem estava se banhando com um grupo de amigos em um açude, que fica em uma propriedade particular às margens da ERS-348. Ele desapareceu nas águas por volta das 17h15min. O corpo foi encontrado pelos bombeiros voluntários por volta das 17h45min.

Até o final da tarde de ontem, ainda não havia informações sobre o velório e sepultamento de Denilson. O corpo do adolescente permanecia no local, aguardando a plantonista da Polícia Civil, que estava se deslocando de Santa Maria.

Na tarde de sexta-feira, em Rosário do Sul, o corpo de Nelson Hamilton Rangel Jaques, 63 anos, foi encontrado na Praia das Areias Brancas, no Rio Santa Maria.

Conforme o Corpo de Bombeiros da cidade, a guarnição foi acionada por volta das 18h50min de sexta-feira por pessoas que estavam no local. A Polícia Civil investiga o caso e já ouviu familiares da vítima. Conforme a microempresária Eloir Porto, 52 anos, cunhada da vítima, Jaques desapareceu na quinta-feira e não foi mais visto. Segundo ela, o homem tinha o hábito de caminhar, à tarde, até o Rio Ibicuí, também em Rosário, onde gostava de pescar. Geralmente, depois do passeio, ele voltava pela Praia das Areias Brancas, onde costumava visitar familiares na Vila Progresso.

Segundo Eloir, o médico atestou como causas da morte asfixia mecânica e afogamento.

– A gente não sabe o que aconteceu. Ele saiu na quinta-feira. Procuramos ele durante todo o dia e também na sexta, quando o encontramos no final da tarde. Ele tinha um ferimento no pé. Então a gente acredita que ele possa ter ido se lavar no rio, tenha passado mal e caído – destaca Eloir.

Conforme a cunhada, Jaques era aposentado da prefeitura há cerca de três anos. Ele era casado com Vilma Porto Jaques, 63, com quem tinha um filho, Vilar Porto Jaques, 35. Eloir destacou o comprometimento que Jaques tinha, sobretudo com a família:

– Desde que ele se aposentou, o passatempo era ajudar a família. Ele cuidava das irmãs doentes e de tios que estão em um asilo. Ele sempre visitava, levava remédio, sempre se dedicou a eles. Em casa, ele gostava de ajudar também, revezava nos afazeres e nas compras do mercado. Era uma ótima pessoa.

O corpo da vítima foi sepultado no Cemitério São Sebastião, em Rosário do Sul, na manhã de sábado.

Confira os casos desta temporada:

24 de janeiro
Onde – Açude em propriedade particular, em Agudo
Vítima – Denilson da Silva Carvalho, 15 anos

21 de janeiro de 2016
Onde – Praia das Areias Brancas, em Rosário do Sul
Vítima – Nelson Hamilton Rangel Jaques, 63 anos

20 de janeiro de 2016
Onde – Rio Vacacaí, em São Gabriel
Vítima – Getúlio Gomes da Silva, 53 anos

17 de janeiro de 2016
Onde – Rio Ibicuí-Mirim, em Santa Maria
Vítima – Elisabete Francisca dos Santos, 52 anos

17 de janeiro de 2016
Onde – Rio Rosário, em Santiago
Vítima – Irra Mainara Paula Serres, 22 anos

12 de janeiro de 2016
Onde – Praia do Paredão, em Lavras do Sul
Vítima – Argélico da Silva Britto, 52 anos

10 de janeiro de 2016
Onde – Açude em Santiago
Vítima – Antonio Valter Trindade Ramos, 45 anos

9 de janeiro 2016
Onde – Rio Cacequi, em Cacequi
Vítimas – Ana Mel de Nunes Martins, nove anos, Lorenzo Eula Tavares, oito, e André Eula, 24

1º de janeiro de 2016
Onde – Balneário Passo do Pinto, em São Gabriel
Vítima – Márcio Rodrigues Silveira, 35 anos

29 de dezembro de 2015
Onde – Praia das Areias Brancas, em Rosário do Sul
Vítima – Vinicius Borges dos Santos, 16 anos

28 de dezembro de 2015
Onde – Açude em Santiago
Vítima – Diego Rodrigues Marquite, 31 anos

ZERO HORA