PM é agredido após ser reconhecido por criminoso em Torres

131

12341039_558804450944979_6301433969959185317_nSolado foi espancado por grupo após briga

Um soldado da Brigada Militar foi agredido na madrugada desta sexta-feira (1º), em Torres. Segundo a Polícia Civil, Rubilar Bastos da Veiga foi espancado após ser reconhecido por um criminoso.

O policial retornava da festa de Ano-Novo na companhia da mulher quando, na altura da Lagoa do Violão, se deparou com uma briga generalizada. Pelo menos 10 homens estravam envolvidos no tumulto. Um, segundo a polícia, reconheceu o brigadiano e o chamou pelo nome.

Nesse momento, parte do grupo espancou o policial e um deles ainda roubou o revólver calibre 38 do PM. Ele teve de ser hospitalizado e foi liberado hoje, após ser medicado.

A polícia realiza buscas, mas ainda não tem suspeitos do crime.

O caso é semelhante ao que ocorreu com o policial morto nesta madrugada em Tramandaí. Maysson Fagundes da Silva estava comemorando a virada do ano na praia quando foi baleado após ser reconhecido por um criminoso. Segundo a polícia, o PM avisou os amigos antes de morrer que o criminoso havia sido preso por ele anteriormente, em Alvorada.

GAÚCHA