Por que não valorizamos nossos policiais?

149
IMAGEM ILUSTRATIVA
IMAGEM ILUSTRATIVA

Nos últimos tempos nos acostumamos a ouvir informações sobre o aumento da criminalidade, fato claro e notório que não podemos negar, mas o que não se fala é o quanto nossas forças de seguranças estão enfraquecidas, não pelos seus homens e mulheres que batalham dia e noite para nosso bem comum, e sim pela desvalorização do seu serviço prestado, pelo descaso do Estado com seus servidores, e pelo colapso do sistema.

Não são poucas as notícias ruins que nos tem chegado de policiais que tombam em serviço aqui no Estado e no País. Policiais que diariamente deixam seus lares para defender pessoas que jamais viram, deixam pais, mães, filhos, esposas, esposos, todos seus entes queridos para honrar o juramento de defender a sociedade “mesmo com o risco da própria vida”.

Por que o Estado não motiva e valoriza seus servidores a prestar um serviço mais qualificado para a sociedade? Por que nós, sociedade, não valorizamos esses nossos heróis e amamos tanto os cantores, os artistas, jogadores de futebol, entre outros que só enriquecem a nossas custas?

Não os valorizamos porque é mais fácil criticá-los, olhar seus passos e buscar suas falhas, parece mais salutar crucificá-los do que exaltar seus grandes atos. É certo que estes homens e mulheres têm o dever de acertar, é sua obrigação servir, mas nós como gratidão também temos o compromisso de agradecê-los e elogiá-los por zelarem por nossas famílias e lares.

Um feliz 2016.

RADIO PLANALTO