Após tiroteio perto de posto de saúde, vice-prefeito pede ação de Sartori

155

17857260Sebastião Melo participava de reunião nesta terça-feira quando tiros foram ouvidos no entorno do posto de saúde da Vila Cruzeiro

O vice-prefeito de Porto Alegre, Sebastião Melo (PMDB), presenciou um tiroteio na noite desta terça-feira, durante reunião da cúpula da segurança e o secretário de saúde no postão da Vila Cruzeiro. Em entrevista ao programa “Gaúcha Atualidade”, Melo cobrou uma postura diferente do governador José Ivo Sartori, seu colega de partido. As informações são da Rádio Gaúcha.

— Entendemos que o tema tem que ser entendido a todos. O momento é de unificar. O governador deveria criar uma sala de crise, que ele comandasse pessoalmente — comentou.

Melo relatou que havia mais de cem pessoas no posto de saúde durante a reunião.

— Eram duas portas, uma parede com vidro e outra de concreto. Eu estava junto de delegados, secretários da saúde. Aí começou uma gritaria, as pessoas se atiraram no chão. O Comandante do 1º BPM estava lá e pediu calma. Sensação terrível — contou.

Durante a entrevista, Melo também fez críticas ao sistema penitenciário:

— Quem comanda o crime não está na periferia, está nos presídios.

ZERO HORA