Turista salvo por soldado

206

guariSoldado Jeferson França estava na praia daGuarita e atendeu ao pedidode socorro do pai da vítima

Mesmo sem o serviço de salva-vidas, os turistas continuam visitando o Litoral Norte e aproveitando o tempo bom para entrar no mar. Na tarde de ontem, o argentino Elíbio Antonio Nuñes, de 52 anos, estava nadando na praia da Guarita, em Torres, quando foi pego por uma corrente de retorno, que quase o levou para o meio do oceano. O turista argentino foi resgatado ileso. De acordo com o Grupamento de Busca e Salvamento (GBS) de Torres, Nuñes nadava na praia da Guarita, em frente a estreita faixa de areia do local. Por volta de 15h30min, o turista caiu em uma corrente de retorno, que o arrastou mar adentro. No entanto, a maré mudou de direção e o trouxe de volta. Desta vez, jogando-o contra as pedras da Torre Norte da praia. O argentino não conseguia nadar até a areia. O pai do turista percebeu o desespero do filho e gritou por socorro. Integrante do GBS da cidade, o soldado Jeferson França aproveitava o seu dia de folga na praia da Guarita. De acordo com o sargento Edemir Cardoso, comandante da equipe em Torres, o soldado jogou-se na água e nadou até conseguir chegar perto do turista, trazendo-o para a orla. Em terra, o Samu era acionado e uma equipe do GBS se dirigiu para o local. O mar agitado exigiu um grande esforço do bombeiro para que o resgate fosse concluí- do. Conforme a Associação dos Salva-vidas Militares do RS (Asavime/RS), o soldado chegou à beira da praia exausto. Foi aplicado soro no turista argentino, pois ele ingeriu muita água durante o tempo em que permaneceu no mar. Logo depois, Nuñes foi liberado.

CORREIO DO POVO