Quadrilha desvia mais de R$ 6 milhões do Banrisul em golpe do empréstimo

125
Quadrilha desvia mais de R$ 6 milhões do Banrisul em golpe do empréstimo | Foto: Polícia Civil / Divulgação / CP
Quadrilha desvia mais de R$ 6 milhões do Banrisul em golpe do empréstimo | Foto: Polícia Civil / Divulgação / CP

Operação Stellio prendeu 21 pessoas, duas são funcionárias do banco

Uma organização criminosa, suspeita de cometer fraudes e desvios de verbas de bancos, foi alvo de uma operação da Polícia Civil nesta terça-feira. Segundo informações da investigação da ofensiva chamada de Stellio, a quadrilha causou prejuízo de R$ 7 milhões às instituições financeiras, sendo que o Banrisul, a principal vítima, foi lesado em R$ 6 milhões. A ação realizou hoje 21 prisões após cumprir mandados em 12 cidades do Rio Grande do Sul.

De acordo com investigadores da Delegacia Fazendária, entre os presos, estão dois funcionários do Banrisul, suspeitos de participar do esquema. A Polícia Civil, no entanto, não afasta a possibilidade de que mais servidores estejam envolvidos nos crimes porque a investigação ainda está em andamento. Estimativa de delegados é de que o processo tenha 30 indiciados quando for concluído.

A organização criminosa usava empresas de fachada e com a conivência de funcionários de instituições financeiras públicas e privadas para firmar contratos de empréstimos bancários fraudulentos, apresentando como garantia cheques sem fundo ou bens com documentação falsificada.

Os municípios envolvidos na operação são Alvorada, Cachoeirinha, Caçapava do Sul, Canoas, Capivari do Sul, Cidreira, Imbé, Palmares do Sul, Porto Alegre, Santa Cruz do Sul, São Leopoldo, e Viamão. Segundo informações da Delegacia Fazendária, são investigados crimes de lavagem de dinheiro e estelionato.

Correio do Povo