BM prepara 1,3 mil jovens para resistir às drogas, em Caxias

204
A própria Brigada Militar apresenta o Proerd como uma de suas principais ações de prevenção Foto: Felipe Nyland / Agencia RBS
A própria Brigada Militar apresenta o Proerd como uma de suas principais ações de prevenção
Foto: Felipe Nyland / Agencia RBS

O Proerd orientou mais de 11 mil crianças e adolescentes em dez anos

PIONEIRO

Apostar na parceria com os jovens para construir um futuro melhor. É com este pensamento que a Brigada Militar celebrou a formatura de 1,3 mil crianças e adolescentes no Programa Educacional de Resistência às Drogas e a Violência (Proerd). A solenidade festiva ocorreu no Complexo Poliesportivo do SESI, no bairro Fátima, emCaxias do Sul, na manhã deste sábado.

Durante a apresentação do evento, o capitão Márcio Leandro da Silva destacou a importância do projeto, que orientou mais de 11 mil alunos em dez anos.

— São crianças e adolescentes preparadas para reconhecer e resistir ao perigo das drogas. Prontos para aproveitar uma vida longe das drogas e sem violência. É um programa de prevenção e por um futuro melhor para todos — salienta.

Educação para Resistência ao Uso de Drogas

O Proerd tem como matriz referencial o programa americano Droug Abuse Resistance Education (Dare), desenvolvido em diversos países com intuito de fortalecer os jovens na resistência contra o uso de drogas. As aulas são ministradas por policiais instrutores, que concluíram formações específicas. Chamados de professores pelos alunos, eles usam a farda e aproximam a força policial da vida dos jovens, semeando uma relação harmoniosa que deverá prosseguir pelos anos.