Correio do Povo: Piratini enviará mais projetos de austeridade à Assembleia

141
Governo enviará mais pacotes de austeridade à Assembleia | Foto: Daniela Barcellos / Palácio Piratini / CP

“Vem mais”, adiantou o governador Sartori durante lançamento da Expodireto

Em discurso durante o lançamento da Expodireto Cotrijal, o governador José Ivo Sartori adiantou que o pacote de austeridade, em parte votado no fim de dezembro do ano passado, terá continuidade neste ano. “Fizemos o nosso dever de casa, mas ainda falta muita coisa. Os deputados que estão aqui sabem que têm coisas que estão na Assembleia e precisam ser votadas, mas eu digo: vai ter mais”, afirmou.

Sartori não explicou quais medidas serão tomadas, apenas que deverão ser encaminhadas à Assembleia depois da votação dos últimos projetos que ficaram de dezembro e que voltarão à pauta em março. “Depois que passar esses daí, tem outras etapas.”

Para o governador, medidas duras são necessárias, mas a economia gaúcha já dá sinais de reação. Segundo ele, a previsão de déficit das contas do governo para 2018 foi reduzida: “Alcançaria R$ 25 bilhões e hoje podemos dizer com tranquilidade que chegaremos ao final de 2018 com um déficit de R$ 8 bilhões”.

Há, ainda, uma possibilidade de melhora: “Se mexer a economia nacional, tenho certeza que daremos um passo ainda maior no Rio Grande do Sul”, discursou ele, que elogiou os deputados que aprovaram as medidas em dezembro – cujas sessões foram marcadas por cenas de violência na Praça da Matriz, durante as votações. “A Assembleia Legislativa teve coragem e coragem não se compra em farmácia”, destacou. “O Rio Grande do país esperam são mudanças profundas.”