ZERO HORA: PMs do interior devem continuar em Porto Alegre por pelo menos mais um mês

192
Policiais foram apresentados em março deste ano; eles foram deslocados do Interior para coibir o aumento de homicídios e latrocínios em Porto Alegre
Foto: Omar Freitas / Agencia RBS

PMs estão desde março na Capital atuando em nova fase da Operação Avante

Por: Paulo Rocha

O comando da Brigada Militar decidiu adiar por pelo menos um mês o retorno ao interior do RS de parte dos policiais militares que reforçam a segurança em Porto Alegre desde março. Os PMs foram deslocados para participação na terceira fase da Operação Avante.

A previsão inicial era de que metade do efetivo de 350 agentes deveria retornar em junho.

— Ainda não há uma data definitiva para o retorno do efetivo da Operação Avante. Essa avaliação será feita a partir dos indicadores de criminalidade definidos pelo Programa Avante e da formatura dos novos soldados — disse o subcomandante-geral da Brigada Militar, coronel Mario Ikeda.

Agora, o comando da BM pretende esperar a formatura de 1.060 novos policiais, prevista para julho.

Os novos formandos devem começar a atuar no patrulhamento ostensivo na primeira quinzena de julho. O comando da corporação não estima ainda quantos ficarão atuando em Porto Alegre.