Entidades representativas da BM aprovam projeto de modernização da carreira de nível médio

867
Representantes reivindicam mais valorização dos Policiais Militares

Reunidos na Sede Matriz, na tarde de 23 de julho, os diretores da ABAMF, ASSTBM, AOfSBM e representantes da entidades independentes de regiões como Pelotas, Torres e Cruz Alta, analisaram, debateram e concordaram com o projeto de modernização na carreira de servidores de nível médio da BM. Algumas observações foram anotadas para esclarecimento ou aperfeiçoamento da proposta. O presidente da ABERGS ressaltou que os Bombeiros Militares reivindicam uma carreira própria, e afirmou: “estamos aqui para aprender com a ABAMF”.

Presidente da ABAMF alertou que categoria precisa estar unida e mobilizada

Logo no começo da reunião ficou explícito que a união em torno da proposta é importante nesse momento. “Essa luta é da coletividade”, afirmou Valmir Pardal, da Associação de Cabos e Soldados de Torres. Para Jerri Gruhn, da Associação dos Cabos e Soldados de Cruz Alta, “é urgente a modernização da carreira do PM”.

Representantes da categoria esclareceram dúvidas

Incomodados com declarações do governador do RS, que publicou tabelas de salários insinuando que os Policiais Militares gaúchos pesam muito na folha de pagamento, o presidente da ABAMF, alertou: “nós não vamos perder a oportunidade de mostrarmos que estamos organizados. Vamos iniciar um processo de enfrentamento com o governo que incluem várias pautas; previdência, atraso de salários e a modernização da carreira.Temos que para o enfrentamento unidos – ativos e inativos – e agir de forma racional e inteligente.

O diretor da AOfSBM, Elias Pôncio, destacou com relação a mobilização;” temos que ser valorizados e precisamos estar unidos para isso”.

Forte participação mostra interesse dos militares na modernização da carreira

O presidente da ASSTBM, Aparício Santellano, destacou: “O projeto de modernização da carreira é um antídoto para o golpe que governo quer aplicar nos Militares Estaduais”.

ABAMF e ASSTBM trabalharam no projeto com assessoramento do Dr. em segurança pública, Romeu Karnikowski

O presidente da ABAMF espera que as definição para a apresentação do projeto ao governo aconteçam rápido. Para isso, estão sendo encaminhado, a todos os representantes que compareceram a reunião, cópias do projeto de modernização da carreira. Caberá a eles difundir as informações.

Conforme José Clemente, “devem ser feito alguns pequenos ajustes para que possamos entregar a proposta dos Polícias Militares no Palácio Piratini”.