Entidades reuniram-se com o Comando da BM

237

 A ABAMF representada pelo seu presidente José Clemente e seu vice, Jairo Rosa, juntamente  com ASSTBM, representada pelo presidente Santellano, reuniram-se na manhã deste dia 03/abril (sexta-feira) com o Sr. Comandante Geral da Brigada Militar, Coronel Rodrigo Mhor,  e Sub Comandante Cel Santa Rosa, para demandas da categoria e tratar da situação de exposição dos servidores perante a epidemia do coronavírus.

QUANTO A PROTEÇÃO DOS SERVIDORES

Quanto ao problema da falta de EPI aos servidores que estão expostos a pandemia, o Comando afirmou que, embora o DLP já tenha feito grande aquisição de álcool gel e luvas, houve uma dificuldade em adquirir as  máscara de proteção facial, que a situação foi resolvida com a compra de quantidade suficiente para o efetivo empregado ostensivamente e será distribuído na próxima semana. Outra atitude foi a disponibilização de recurso para as OPMs fazerem a compra de itens que venham a faltar, pela dificuldade de logística para a BM fazer a compra geral de alguns suprimentos.

 AIPSA

A BM esclarece que, os servidores que estavam com o processo em andamento receberão o valor antigo até o fim do período, quem renovar ou entrar a partir da nova legislação, receberá o novo valor.

PROBLEMAS COM A FOLHA DE PAGAMENTO DE ALGUNS SERVIDORES

 O Comandante afirmou está sendo feito um levantamento para ser tomada as providências e correções, devendo os servidores que constatarem inconsistências, reportarem-se aos seus comandos para relatar seu caso.

PLANO DE CARREIRA

O Comandante informou que os estudos não pararam, mas neste momento está sendo priorizado as ações de proteção a tropa pela pandemia, reafirmando que é  intensão do Comando e do Governo fazer os ajustes  necessários na carreira.

Lembramos que os pontos da proposta de modernização encaminhada são: Inclusão com nível superior, retorno da graduação de Terceiro Sargento, ascensão por antiguidade, e criação do Capitão Administrativo ou outra designação que se julgar correta.