Doze policiais militares foram mortos no Estado em 2014

196

por José Luis Costa

Zero Hora

29/12/2014 | 10h46

PMs Rosvel e  Silvio
PMs Rosvel e Silvio

Pelo menos 12 policiais militares foram assassinados neste ano no Rio Grande do Sul. Os dados são da Associação Beneficente Antônio Mendes Filho (Abamf), entidade de classe dos cabos e soldados da Brigada Militar.

As duas últimas vítimas foram mortas no final de semana. No sábado, o sargento Silvio Rodrigo dos Santos, 38 anos, em Gravataí, e no domingo, o PM da reserva Rosvel de Jesus Dendena, 44 anos, em Cachoeirinha, cidades da Região Metropolitana. Nos dois casos, os policiais teriam reagido a tentativas de assalto.

PMs bloqueiam freeway em protesto pela morte de colega
Leia as últimas notícias de Zero Hora

Conforme Leonel Lucas, presidente da Abamf, a estatística de mortes de PMs em 2013 teria dados semelhantes.

— Estamos muito preocupados. É falta de segurança para nós mesmos. Infelizmente, para a bandidagem, a morte de um PM vira prêmio — lamenta Leonel Lucas, presidente da Abamf.

* Zero Hora