Vereadores de Viamão aprovam gratuidade em ônibus, sem a farda

221
Jairo, ao lado de Silvio Streit(d) debate com projeto com vereadores
Jairo, ao lado de Silvio Streit(d) debate com projeto com vereadores

O vereadores de Viamão aprovaram, por unanimidade, na tarde de 16 de dezembro, o projeto-de-lei 165/14, do vereador Silvio Streit(Guguzinho/PTB), que estabelece a gratuidade nos ônibus municipais para brigadianos, mesmo em traje civil. A identificação deve ser feita através da carteira funcional. O diretor da ABAMF, Jairo Rosa, o diretor da ASSTBM, Dagoberto Valtemann, além do comandante do 18º BPM, tenente-coronel Giusti, e praças do batalhão acompanharam a votação.

Antes do projeto chegar ao plenário houve um amplo debate. Jairo encontrou-se com o autor da proposta, que alertou haver uma emenda ao texto original. A intenção, que partiu do vereador Zé Elias(Partido Solidariedade),  era contemplar também os guardas municipais. O representante da ABAMF conversou com o vereador que retirou a proposta, mantendo o texto original.

O vereador Dilamar de Jesus Silva em conversa com Jairo esclareceu que o texto seria aprovado, mas contemplava somente policiais militares, deixando os bombeiros fora. Como solução foi votada uma emenda definindo que a isenção é válida para policiais e bombeiros militares.

Representantes da ABAMF e ASSTBM com brigadiano em frente a Câmara de Vereadores, antes do início da sessão
Representantes da ABAMF e ASSTBM com brigadiano, em frente a Câmara de Vereadores, antes do início da sessão

Enquanto as conversas aconteciam integrantes do 18º BPM mostravam mensagem enviada aos brigadianos informando que o projeto não entraria na pauta do dia. Não era verdade. Uma articulação rápida fez com que o comandante o 18º BPM fosse até a Câmara de Vereadores com vários praças. Eles aplaudiram os parlamentares após a aprovação da proposição.

Comandante do 18º BPM falou sobre o trabalho árduo dos PMs
Comandante do 18º BPM falou sobre o trabalho árduo dos PMs

Jairo e o tenente-coronel Giusti ocuparam a tribuna. O primeiro lembrou que a segurança pública também passa pelas ações dos vereadores. Já, o segundo, destacou que não está fácil ser policial, mas a motivação para o trabalho são os cidadãos de bem. “Nos perguntaram quando nós estamos de serviço. Nós estamos sempre de serviço”, disse o oficial.

Jairo lembrou que a segurança pública passa pelos vereadores
Jairo lembrou que a segurança pública passa pelos vereadores

O presidente do Legislativo, Eraldo Antônio Almeida Roggia, ressaltou que um projeto que concedia a isenção da passagem aos brigadianos em traje civil havia sido rejeitado há alguns anos, mas o assassinato do soldado Ricardo em um ônibus alertou para o risco a que estão expostos os agentes da segurança pública.

No final, ABAMF, ASSTBM e brigaidanos comemoraram aprovação
No final, ABAMF, ASSTBM e brigadianos comemoraram aprovação

A atitude do autor do projeto, Silvio Streit, antes da votação foi louvável. Para convencer os colegas do parlamento, disse: ” não votem por mim ou por vocês, votem pelos brigadianos”.

O projeto deve será encaminhado para  sanção do prefeito Valdir Bonatto.

Paulo Rogerio N. da Silva

Jornalista ABAMF