BM terá efetivo reduzido para blocos na Cidade Baixa

119

17161624A Brigada Militar (BM)terá efetivo reduzido em quatro dos 15 dias em que será realizado o Carnaval de rua da Capital. Grupos que representam os moradores da Cidade Baixa, bairro que concentra boa parte dos festejos, estavam preocupados com o baixo número de policiais que estariam nas ruas durante os desfiles.

Devido a eventos em datas coincidentes com as da passagem dos blocos, a BM havia informado que tinha condições de acompanhar apenas cinco dias com efetivo suficiente. A partir de uma reorganização interna na corporação, o número de homens escalados para a tarefa aumentou. Agora serão apenas quatro dias com cerca de 25 PMs em cada e 50 PMs nos demais. As datas deficitárias são 2 (feriado e procissão de Navegantes), 7, 14 e 21 de fevereiro (programações de Carnaval).

– É rua, é festa, é brincadeira. Em tese, não tem animosidade, tipo Gre-Nal. Consigo dar segurança no itinerário. Os blocos se comprometeram a fazer a parte deles, com pessoas orientando quanto ao horário da música e a não fazer xixi na rua. A responsabilidade é de todos – afirma o tenente-coronel Francisco Vieira, comandante do 9º Batalhão da Polícia Militar.

Hermógenes de Oliveira Junior, representante da Associação dos Moradores da Cidade Baixa, continua descontente.

– Tem blocos que reúnem 12 mil pessoas. Claro que 50 é melhor que 25, mas ainda não é o ideal – critica.

ZERO HORA