JORNAL O SUL: Profissionais de nível médio da família brigadiana aguardam a confirmação de atrasos

170
IMAGEM GOOGLE

Salários e mobilização

O presidente da Associação dos Cabos e Soldados da Brigada Militar, sargento Leonel Lucas, foi a primeira liderança entre os profissionais da segurança pública a se manifestar sobre os anunciados atrasos de salários para os servidores públicos. Segundo Lucas, a entidade, uma vez que venha a se confirmar tal decisão do governo, convocará uma Assembleia-Geral da categoria, juntamente com outras associações de nível médio da família brigadiana, além de servidores estaduais civis, para iniciar uma mobilização pública contra a medida, considerada um retrocesso que, tirante até mesmo os prejuízos materiais, humilhará ainda mais os policiais que estão nas ruas. Na sequência, pautou Lucas, a assessoria jurídica da entidade tomará as providências para ressarcimento de danos aos trabalhadores fardados. De outra banda, o Piratini deve estar preparado para isso, pois a assessoria de Sartori sabe que há apenas uma casta de policiais com o boi na sombra.

JORNAL O SUL