Representações dos servidores gaúchos organizam ações em defesa do serviço público

136

semapiA ABAMF participou, na manhã de 6 de maio, de reunião com Semapi, Sintergs, Sindisepe, UGEIRM, CPERS e CUT. O encontro aconteceu na sede do Semapi  debateu formas de contrapor as colocações do governo gaúcho, que joga o servidor público contra a  população gaúcha  e, ao mesmo tempo, apresenta medidas  buscando derrubar conquistas dos trabalhadores e evitar reajustes dos vencimento, com constantes ameaças de não pagamento ou parcelamento dos salários.

Entre os pontos destacados, a informação de que o conjunto de isenções do ICMS no RS já superou a arrecadação, sem que o governo se volte para o problema.

semPI1

As representações de servidores públicos estão muito preocupadas e atentas com o pacote que o governo pretende aprovar na Assembleia Legislativa do RS. A intenção é a mesma do governo paranaense, onde os professores estão em greve devido à aprovação de modificação no fundo de aposentadoria,  entre outras ações danosas aos trabalhadores. Estão sendo organizadas ações para a paralisação geral do dia 29 de maio e manifestações de alerta aos gaúchos sobre as ações do governo estadual.

Paulo Rogério N da Silva

Jornalista ABAMF