Secretaria de Segurança quer reduzir em 2% índices de violência no Estado

137
Secretário assinou termo de combate à venda de bebida alcoólica para adolescentes Foto: Tiago Bitencourt / Rádio Gaúcha
Secretário assinou termo de combate à venda de bebida alcoólica para adolescentes
Foto: Tiago Bitencourt / Rádio Gaúcha

Crimes contra a vida e contra o patrimônio são os principais alvos

A Secretaria de Segurança do Estado quer reduzir os índices de criminalidade até o final do ano. Segundo o secretário Wantuir Jacini, no próximo dia 21 será assinado um acordo de resultados com oGoverno onde estarão estabelecidas metas para a segurança. “A intenção é enfrentar os crimes que mais impactam a sociedade que são os crimes contra a vida e o patrimôno”, disse.

Ao todo são 13 tipos de crimes como homicídio doloso, homicídio culposo, latrocínio, roubo em geral, furto, tráfico, entre outros, nos quais as intituições terão que reduzir em 2% até o final do ano. Além disso, o secretário informou que a penitenciária de Canoas ficará pronta ainda em 2015. As estruturas de alvenaria estão 97% prontas, faltando a instalação da subestação elétrica e a rede de esgosto. “Quando isso estiver pronto o presídio estará em condições de operar. Isso deve ocorrer até o final do ano com certeza”, confirmou Wantuir Jacini. Por outro lado, foram abertas 300 vagas na penitenciária de Venâncio Aires. Presos condenados que estavam no Presídio Central foram transferidos para lá, o que abriu vaga para os presos temporários aqui na Capital.

O secretário participou na manhã desta sexta-feira (15), no auditório do Ministério Público, de assinatura de um termo de integração operacional para realizar ações de prevenção, proteção e fiscalização da venda de bebidas alcoólicas para crianças e adolescentes. Também assinaram o documento o próprio Ministério Público, o Tribunal de Contas do Estado, além da Secretaria Estadual da Segurança, da Educação, além de Detran, EPTC, SMIC, UFRGS, Grupos de Pais e Mestres e instituições voltadas para jovens.

Rádio Gaúcha