ABAMF ingressará com mandado de segurança para nomeação dos aprovados no concurso da BM de 2014

177

paim-lleonel-wayne-joaoQueda brusca no efetivo expõe PMs a grandes riscos.

Governo planeja impedir aposentadorias ao invés de nomear aprovados 

A ABAMF ingressará na justiça, nos próximos dias, com um mandado de segurança coletivo, com antecipação de tutela, para que os aprovados no concurso da Brigada Militar, de 2014, sejam nomeados. A entidade está preocupada com o rápido e crescente decréscimo no efetivo. O resultado disso é o risco, cada vez maior, aos PMs da ativa que estão trabalhando no policiamento ostensivo e a exposição da população a ação de bandidos.

Reunidos na sede estadual da ABAMF, o presidente Leonel Lucas, o vice-presidente, Solis Paim, o diretor jurídico, Jonh Wayne, e o presidente da Regional Santa Maria, João Correa, decidiram detalhes da ação em defesa da categoria e da população gaúcha. Para Wayne, “a falta de efetivo expõe a vida dos cidadãos a riscos, que são ainda maiores para os PMs que, diariamente, trabalham no policiamento ostensivo. Há cidades com um PM. Muitas outras, sem nenhum, o que aumenta a ousadia dos bandidos”, revelou.

Quem assina a ação é o advogado Diego Oliveira.

ABAMF. Na Luta pela categoria. 

O que é o  mandado de segurança coletivo?

O mandado de segurança coletivo  é o expediente usado por entidade de classe, sindicato, associação… legalmente constituída e, em funcionamento há pelo menos um ano, na defesa dos interesses de  membros ou associados. Pode ser impetrado, também, por partido político com representação no Congresso Nacional.

Paulo Rogério N. da Silva

Jornalista ABAMF – MTb 7355/RS