Movimento salário parcelado, serviço parcelado, está acontecendo em todo o RS

267
Na frente do 1º BPM
Na frente do 1º BPM. Em Porto Alegre, apenas 11 viaturas estão na rua

Indignados com o desrespeito do governo do RS, PMs, bombeiros, policiais civis, agentes penitenciários, professores, e muitas outras áreas do serviço público estão mobilizados. Na segurança pública, familiares participam bloqueando os portões dos batalhões. é um recado ao governo para que busque saídas para a crise e não jogue o prejuízo nos servidores. Se não houver resposta do Executivo Estadual, dia 18 de agosto pode haver greve geral do serviço público no RS.

Rio Gande
Rio Grande
Rosário do Sul
Rosário do Sul

 

Paulo Rogério N. da Silva

Jornalista ABAMF