Opinião: “A segurança pública foi esquecida por Sartori”

166
17619578
IMAGEM ILUSTRATIVA

por Thales Barreto


O governador do estado, José Ivo Sartori, cortou os investimentos em segurança pública não permitindo que policiais militares recebam hora extra. Com isso, e com o baixo efetivo policial, o governador entregou o estado para os bandidos.

No final da tarde de ontem o meu pai foi assaltado após ter ido buscar meu sobrinho na escolinha. Quando chegavam em casa ele foi rendido por três homens armados que levaram eles e o carro. Meu pai ficou desaparecido por mais de uma hora. Ele e meu sobrinho foram soltos próximo ao Presídio Central, sem ferimentos.

Enquanto registrávamos a ocorrência os policiais foram extremamente atenciosos. Graças ao GPS do telefone conseguimos localizar o carro e repassar essas informações para a Brigada que recuperou o veículo. Os bandidos não foram capturados.

Os BMs se mostraram atenciosos o tempo inteiro e tentaram nos ajudar no que foi possível. A falta de equipamentos para cruzar as informações que tínhamos não colaborou para a prisão dos elementos.

Reclamar de insegurança aos policiais é inútil. A culpa é do governador que não investe na proteção dos cidadãos. Vidas estão em jogo e o governador está completamente perdido sobre o que ocorre em seu próprio governo.

Quero deixar registrado aqui o meu agradecimento ao pessoal da Patres que colaboraram muito na recuperação do carro. Eles se mostraram atenciosos e preocupados com o caso.


Thales Barreto, 28 anos, formou-se em jornalismo pela Famecos [PUCRS] em 2009. É blogueiro há 11 anos e alimenta o Simulações desde 2006. Durante a faculdade criou o portal de blogs Sopa de Letrascom outros colegas. Atualmente é editor de conteúdo do Conexão Grenal.

Plantão RS