Governo Sartori cumpre reajustes concedidos para o mês de Maio

201

Após grande indefinições e ameaças veladas o governo do estado publicou no RHE os contracheques referentes ao salário do mês de maio. Apesar do terrorismo do governo

O governo do estado não fez nada além de cumprir o que fora pactuado em lei. Foi a vigilância dos agentes de policia que forçou a não prosseguir em suas intenções de desrespeitar a lei. O atual governo, desde a posse, implementa um desmonte sistemático do serviço público e da segurança pública. A inexistência total de uma politica de segurança pública, aliado a falta de promoções, ausência de recomposição do efetivo, o sucateamento das estruturas e o criminoso calote nos salários a cada mês resultam na assombrosa explosão da violência no RS. Seguimos vigilantes! Estamos na luta para mantermos as conquistas, pelas promoções e por uma politica de segurança pública que traga paz à população gaúcha!

Todos à Assembléia Legislativa no dia 30/05

Nesta segunda-feira (30), as entidades da segurança pública estarão mobilizadas contra o desmonte da segurança pública, promovido pelo governo Sartori/PMDB. Logo pela manhã, a partir das 10h, as entidades que compõem o Bloco da Segurança Pública estarão no Aeroporto Salgado Filho, distribuindo panfletos e dialogando com a população sobre a nossa mobilização. O objetivo é mostrar e denunciar a atual situação de total descaso com a segurança pública.

Na parte da tarde, a partir das 14h, as entidades estarão presentes na Audiência Pública sobre o desmonte do serviço público no RS, no auditório Dante Barone, da Assembleia Legislativa. O evento é promovido pela Frente Parlamentar em Defesa do Serviço Público e vai discutir o PL44/2016, que terceiriza funções públicas do Estado por meio de parcerias com organizações sociais de direito privado para a gestão de fundações, autarquias e até escolas estaduais.