Por falta de material, BM deixa de emitir carteira funcional a policiais

136

16658773Segundo comando, emissão deve ser normalizada na próxima semana

Os policiais militares que precisam renovar a carteira funcional estão enfrentando problemas nas últimas semanas. A falta do “espelho”, que é o papel utilizado para impressão da identidade dos militares, inviabiliza a emissão e renovação dos documentos.

De acordo com o presidente da Associação dos Sargentos, Subtenetes e Tenentes da BM, Aparício Costa Santanello, sem a carteira funcional em dia, os policiais ficam sujeitos à punição. “Pra andar armado, tem que ter a carteira funcional em condições. Se for um caso que ele se envolver, vai ter prejuízo futuramente”, explica o tenente.

Para os policiais da ativa, a renovação é automática. Já para os policiais da reserva, a validade é variável entre um e cinco anos.

De acordo com o comandante-geral da Brigada, coronel Alfeu Freitas, o problema será resolvido na próxima semana.

GAÚCHA