PM baleado por criminoso em Butiá passa por cirurgia no hospital Cristo Redentor

162

20650736O PM Giovani Lopes Lucas passou por cirurgia no hospital Cristo Redentor, em Porto Alegre, depois que foi baleado na semana passada em Butiá, na Região Carbonífera. Durante troca de tiros com criminoso suspeito de planejar ataque a banco com uso de explosivos no estado, o sargento acabou sendo atingido por um tiro na cabeça. O bandido foi preso depois de negociação com a Polícia Civil e Brigada Militar.

Segundo informações da própria corporação, o PM está bem. A sorte dele foi o fato de que a bala bateu no crânio e contornou-o sem penetrar o cérebro. O projétil se partiu em dois e uma parte foi extraída com cirurgia. O outro fragmento será retirado posteriormente, após recuperação do primeiro procedimento cirúrgico. O bandido também foi baleado, na região do abdômen. No entanto, o local onde ele foi hospitalizado não está sendo divulgado e nem a identidade dele.

O delegado Nedson de Oliveira, que investiga o caso, procura comparsas dele que são suspeitos de integrar uma quadrilha responsável por ataques a agências bancárias com uso de explosivos. Na casa onde o criminoso foi detido, na quinta-feira da semana passada, foram apreendidos quatro armas, munição, dinheiro, informações sobre um banco da região, bananas de dinamite e mais sete artefatos explosivos.

GAÚCHA