Governador do Rio Grande do Sul anuncia mudanças em secretariado; veja nomes

193

Ao todo, são nove modificações. Durante discurso, José Ivo Sartori disse que houve transformações no país e que é ‘preciso virar a chave’.

O governador José Ivo Sartori anunciou novos secretários na manhã desta quinta-feira (27) em cerimônia no Palácio Piratini. Ao todo, nove nomes foram anunciados, entre titulares e adjuntos de secretarias. Durante discurso, Sartori disse que houve transformações no país e que é “preciso virar a chave”.

“Mudamos as peças, mas nossos objetivos seguem os mesmos. Estamos mudando para reafirmar uma caminhada”, disse o governador.

Na Casa Civil, antes ocupada por Marcio Biolchi, assume Fábio Branco (PMDB). Biolchi, por sua vez, vai para a Secretaria de Desenvolvimento Econômico.

Na Secretaria de Educação, antes ocupada por Luís Antonio Alcoba de Freitas, tome posse Ronald Krumenauer. Na Secretaria de Obras, Saneamento e Habitação, ocupada interinamente por Carlos Búrigo, quem assume é Fabiano Pereira (PSB).

A Casa Militar ficará com o coronel Alexandre Martins. Já na Secretaria de Desenvolvimento Social, Trabalho e Direitos Humanos, quem assume é Maria Helena Sartori.

Na Secretaria de Minas e Energia, assume Artur Lemos, que ocupava interinamente o cargo. Já na Secretaria de Segurança Pública, Cezar Schirmer terá a companhia do coronel Éverton Oltramari como adjunto, enquanto Evandro Fontana assume como secretário adjunto na Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia.

Quem é quem

Fabiano Pereira
Tem 43 anos e é presidente do PSB de Santa Maria, onde atuou como vereador e secretário da Saúde. Foi deputado estadual por dois mandatos, de 2002 a 2010, e secretário estadual da Justiça no governo Tarso Genro.

Fábio Branco
É empresário e foi prefeito de Rio Grande por dois mandatos. Em 2014, foi eleito deputado estadual. Desde janeiro de 2015, exercia o cargo de secretário de Desenvolvimento Econômico, Ciência e Tecnologia.

Alexandre Martins
Tem 53 anos de idade e 34 anos de serviço público. É formado em Educação Física, pós-graduado em Gestão Pública e tem curso de especialização em Bombeiros. Já atuou em quatro batalhões da Brigada Militar, no Corpo de Bombeiros, na Defesa Civil e Casa Militar do governo.

Artur Lemos Júnior
É advogado. Foi diretor administrativo e presidente da Fundação Zoobotânica entre 2006 a 2011, e coordenador da CPI da Energia Elétrica na Assembleia Legislativa em 2014. Entre janeiro de 2015 a dezembro de 2016, foi secretário adjunto de Minas e Energia, onde atuava interinamente.

Márcio Biolchi
Foi eleito em 2000 o vereador mais jovem de Carazinho. Entre 2008 e 2010, foi titular da Secretaria Estadual do Desenvolvimento e dos Assuntos Internacionais (Sedai). Já foi deputado estadual três vezes e, em 2014, foi eleito deputado federal. Era chefe da Casa Civil.

Maria Helena Sartori
Professora estadual aposentada e esposa do governador. Foi deputada estadual por dois mandatos, o primeiro entre 2002 e 2006, e o segundo, entre 2010 e 2014. Foi primeira-dama de Caxias do Sul por dois mandatos, entre 2005 e 2012.

Ronald Krummenauer
É graduado em Administração de Empresas e em Ciências Contábeis. Desde 1999 é diretor executivo da Polo RS – Agência de Desenvolvimento (ONG), e desde 2006 é também diretor executivo da Agenda 2020. Integrou o Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social no governo Tarso Genro.

Éverton Oltramari
Tem 46 anos, é coronel da Brigada Militar e é formado em direito. Já atuou no 4º Batalhão de Polícia Militar (BPM) em Pelotas, no 11º BPM em Porto Alegre, no Batalhão de Operações Especiais (BOE), no Estado-Maior da BM e na Assessoria Jurídica da BM.

Evandro Fontana
Jornalista e relações públicas. Trabalhou em rádio, jornal, TV e portais de internet. Tem experiência como correspondente internacional na Rádio do Vaticano.