ABAMF se une as demais representações de classe para defenderem demandas prioritárias da categoria

369

A ABAMF, juntamente com  representantes de classe das Entidades dos Policiais e Bombeiros Militares ( ASOFBM, ASSTBM, AOFERGS), na sede da Asofbm, zona Sul da Capital.

O objetivo foi unir forças das entidades e elencar pautas comuns para serem defendidas junto aos poderes Legislativo e Executivo. O presidente Cel Marcos Paulo Beck, abriu a reunião destacando os feitos de cada Entidade de Classe e seus dirigentes. ” Mas agora, é o momento de unir forças em virtude do governo estadual”, disse.

A reunião durou, aproximadamente, três horas. Nesse período, os representantes apontaram as ações que as associações já vem atuando, e em consenso, destacaram algumas pautas que deverão ser discutidas, nas próximas semanas, com os poderes Legislativo do RS e Executivo.

Entre elas:

– Reajuste da parcela autônoma positivada na Lei 15.454/20 aos militares estaduais e pensionistas, viabilizando que a parcela de irredutibilidade não seja consumida pela reposição da inflação, pela ascensão funcional ou por futuros reajustes aos militares estaduais.

-Reposição remuneratória no subsídio e na parcela de irredutibilidade dos Militares Estaduais em simetria ao tratamento concedido à Polícia Civil.

– Correção da diferença de 3% a menor constante na implantação do subsídio, conforme matriz de verticalidade então vigente, concretizando o compromisso já assumido pelo atual governo.

Além das demandas comuns acima citadas, a ABAMF não abre mão da negociação em torno da Modernização da Carreira de Nível Médio, projeto que já está nas mãos do governos faltando apenas vontade política.

Participaram da reunião o presidente da Asofbm, Cel Marcos Paulo Beck, o Vice Ten Cel Roger Vasconcellos, o diretor jurídico Major Diogo Franco, o Chefe de Gabinete Gabriel Gularte, o presidente Roberto Larrossa da Associação dos Oficiais Estaduais, Aparício Santellano, o diretor Ricardo Agra, da Associação dos Sargentos Subtenentes e Tenentes da BM (Asstbm), o presidente da Associação Beneficente Antônio Mendes Filho ( Abamf) José Clemente e diretores das instituições.