Redes sociais que ajudam no trabalho da Polícia

177

05_01_16diego8pol-1273862Aplicativos e sites auxiliam a estreitar laços de forças policiais com possíveis fontes de dentro das comunidades

São Leopoldo – Combater a violência não é papel somente dos órgãos de segurança e das forças policiais. Na maioria das vezes, relatos de quem convive com o medo dentro dos bairros pode ser a peça-chave para ações preventivas ou para a elucidação de crimes e prisão de possíveis suspeitos.
Para vencer barreiras do receio da identificação diante de criminosos e estimular pessoas comuns a colaborar com o trabalho da polícia, Brigada Militar, Polícia Civil e Guarda Municipal recorrem às redes sociais para estreitar laços com possíveis fontes de dentro das comunidades. Seja pelo aplicativo de troca de mensagens WhatsApp, mensagens privativas pelo Facebook ou pelo bom e velho telefone de linha, a participação das testemunhas tem ganhado novo fôlego e colaborado cada vez mais no combate à criminalidade.
Em São Leopoldo, segundo o titular da Delegacia de Polícia de Homicídios (DPH), Vinícius do Valle, não foram poucos os casos de assassinatos registrados na cidade no ano passado solucionados graças à colaboração de quem presenciou o fato ou sabia de algo referente a vítima. “Por mais que a pessoa entenda ser inexpressiva a sua colaboração, para a gente o que ela sabe pode ser aquele detalhe que estava faltando para a conclusão da nossa investigação. Por isso, devemos ressaltar para que são se guarde a informação, mas que a repasse à polícia”, comenta.
Conforme o delegado, a intenção é estreitar a relação com representantes dos bairros para que eles atuem como colaboradores da Polícia. “Convidamos para que estas pessoas venham até a delegacia para que possamos firmar esta parceria”, conta. De acordo com ele, dados como a dinâmica do crime, placas de veículos envolvidos, características de executores, locais de fuga e possível motivação para o crime são algumas principais informações para serem repassadas à investigação. “Precisamos que a sociedade entenda que a participação dela é extremamente importante e que a fonte sempre será preservada”, destaca.
Em Sapucaia do Sul, conforme o chefe da investigação da 2a Delegacia de Polícia (DP), José Carlos Schultz, na cidade, apesar de tímida, a participação de testemunhas e denunciantes também tem colaborado com o trabalho da polícia. “Muitas pessoas têm receio de que serão identificadas. Nosso telefone não tem identificador de chamadas e para que o denunciante se sinta mais tranquilo sequer perguntamos o nome de quem está do outro lado da linha”, explica.
Guarda Municipal recebe denúncias pelo Facebook 
Em São Leopoldo, outra força atuante nas redes sociais é a Guarda Civil Municipal. A página da GCM no Facebook conta com mais de 12,4 mil curtidores e recebe, de forma sigilosa, centenas de denúncias referentes aos mais diversos casos.
“Recebemos denúncias de todos os tipos. Algumas nem são da nossa competência, mas repassamos aos setores responsáveis. Nossa página tem tido muita interação, contando com denúncias, reclamações, alertas e apelos dos munícipes. Através de denúncias recebidas inbox a Guarda tem feito várias ações diárias e operações em conjunto, sempre resguardando a identidade do denunciante”, comenta o responsável pela comunicação da Secretaria Municipal de Segurança, Jeziel Solano.
Que tipo de informação passar? 
Em caso de homicídios:
Dinâmica do crime;
Placas de veículos envolvidos;
Características de executores;
Locais de fuga;
Possível motivação para o crime
Para a Brigada Militar
Esconderijos;
Pontos de venda de drogas e armas;
Localização de suspeitos, procurados e foragidos
Locais com máquinas caça-níquel, ponto de jogos de azar
Contatos:
Delegacia de Homicídio de São Leopoldo 3575.2343 ou 8590.0522 (What’sApp)
1a DP de Sapucaia do Sul: 3474.1300
2a DP de Sapucaia do Sul: 3453.3138
DP de Esteio:3458.9673
DP de Portão: 3562.1349
DP de Capela de Santana: 3698.1377
Brigada Militar: 190
Setor de inteligência da BM em São Leopoldo 8501.6725 (What’sApp)
Sites e links importantes
Denúncias online à BM: https://www.bm.rs.gov.br/Site/Servicos/DenunciasOnLine/Denuncias.aspx
Denúncias online à Polícia Civil:
http://www.pc.rs.gov.br/denuncie
Guarda Civil Municipal de São Leopoldo
https://www.facebook.com/guardacivilsaoleopoldo
JORNAL VS