Servidores do Estado ainda não sabem se receberão em dia os salários de janeiro

202

fazenda-960x600Fazenda confere entrada de recursos a cada momento

A Secretaria Estadual da Fazenda pretende divulgar hoje se vai ser possível pagar em parcela única os salários de janeiro. A data-limite para o depósito dos valores é amanhã, mas ainda não há certeza de que vai ser possível quitar a quantia de uma vez só. A partir da folha de janeiro, o Estado paga também o aumento no valor do completivo aos professores a fim de que nenhum deles receba, nominalmente, menos que o piso nacional do magistério, que subiu para R$ 2.143. Conforme a Fazenda, o impacto do completivo é R$ 50 milhões superior ao de 2015, conforme a Fazenda. Já o número de professores que passa a ganhar o valor mínimo sobe de 27 mil para 32 mil, o que, para o Cpers, representa um “achatamento de salário”.

De acordo com a assessoria de imprensa da Fazenda, a entrada de recursos em caixa é conferida a cada momento. A sexta-feira também é o último dia para o proprietário de veículos optar por parcelar em até três vezes o valor do IPVA 2016. Até agora, só entraram em caixa cerca de R$ 850 milhões referentes ao tributo – 1/3 do valor esperado, de R$ 2,5 bilhões. A primeira parcela do IPVA precisa ser paga até esta sexta para que o motorista receba o desconto de 3% sobre o valor inicial. Com isso, nos dois pagamentos subsequentes, os descontos serão de 2% até 29 de fevereiro e 1% até o dia 31 de março. Depois disso, o pagamento do IPVA pode ser feito somente de maneira integral. Para o contribuinte que decidir quitar o imposto até amanhã, a redução pode chegar a 22,4%, considerando as vantagens dos programas Bom Motorista e do Bom Cidadão.

Fonte:Rádio Guaíba