Publicação das promoções é resultado da luta da categoria

173
Leonel Lucas, Márcio Biolchi e Aparício Santellano. Representações do nível médio levaram reivindicação das promoções ao governo
Leonel Lucas, Márcio Biolchi e Aparício Santellano. Representações do nível médio levaram reivindicação das promoções ao governo.

A ABAMF sente-se gratificada e com a sensação de dever cumprido, ao felicitar os 881 brigadianos de nível médio promovidos, dia 24 de junho, a 1°, 2° e 3 sargento. A publicação no Diário Oficial é resultado de muita luta. A ABAMF denunciou várias vezes e manteve encontro com o chefe da Casa Civil, Márcio Biolchi, para que as promoções – que não ocorriam desde abril de 2015 – fossem realizadas.

As reivindicações – bandeiras da entidade – não cessam. A categoria reivindica mais vagas nos cursos da BM, valorização salarial e a fundamental recomposição do efetivo, que está com déficit histórico.

A representação reconhece, também, o empenho do comandante da BM, coronel Freitas, que reconhece a necessidade de valorizar melhor os militares estaduais, ficando  ao lado dos seus comandados.

A ABAMF continuará lutando por melhores condições e mais reconhecimento ao valor dos brigadianos.

ABAMF NA LUTA