GAÚCHA: Suspeito de matar policial e esposa no início do mês é morto em confronto com a BM em Tramandaí

399

Julio Cesar Serafim era procurado por latrocínio ocorrido no dia 8 de junho

Um homem suspeito de ter matado um policial e a esposa em um latrocínio no início do mês, em Tramandaí, foi morto em confronto com a polícia nesta terça-feira (27). Segundo a Brigada Militar, dois homens estavam armados no bairro Agual, quando moradores chamaram a polícia. Os brigadianos foram atacados com tiros quando chegaram ao local.

Houve troca de tiros e os bandidos tentaram se proteger utilizando uma criança como escudo. Conforme o Delegado Paulo Perez, Julio Cesar Serafim morreu no local –  ele era procurado por ter matado o policial da reserva Deoclécio Santos Silveira Filho e a esposa Maria Márcia dos Santos Duran no dia 8 de junho.

O outro criminoso que participou do tiroteio foi encaminhado em estado grave para o hospital. Ele não estaria envolvido no latrocínio.

Ninguém mais ficou ferido no confronto.

Um outro adolescente, suspeito de envolvimento no latrocínio, ainda está foragido.

GAÚCHA