ZERO HORA: Suspeito de atirar em PM, em Lagoa Vermelha, se apresenta à polícia

421
IMAGEM INTERNET

Homem entregou armas e deverá prestar depoimento na próxima semana

Por: Kathlyn Moreira

A investigação vai ouvir testemunhas e deve marcar uma data na semana que vem para os esclarecimentos do homem, que se colocou à disposição da Polícia Civil. O soldado da Brigada Militar morreu por volta das 6h deste sábado, no hospital São Vicente de Paulo, em Passo Fundo. Na noite de sexta-feira, quando visitava familiares em Lagoa Vermelha, ele se envolveu em um desentendimento com um morador da cidade.

Durante a briga, o homem pegou uma arma e deu sete tiros no policial militar. Segundo o comando da BM, a briga teria ocorrido por questões familiares, mas os fatos ainda estão sendo apurados.